Amigas do Peito

 

 

Acho que para muitas mulheres existe uma interrogação sobre amamentar o bebê depois de 1 ano. Muitas pessoas costumam dizer que nessa fase o bebê não precisa mais do leite materno, a amamentação é só um ‘dengo’. Infelizmente essas idéias vêm de alguns profissionais de saúde, além, claro, de pessoas leigas. Os benefícios para a saúde do bebê são muitos, mas eu não desejo falar deles aqui. Quero falar como mãe e compartilhar a deliciosa experiência de amamentar um bebê com essa idade.

Amamento um bebezão de 1 ano e 11 meses e eu simplesmente adoro! E por que amamentar depois de 1 ano é tão bom?

Porque agora o bebê já sabe te dizer o quanto ele gosta de mamar, e não há nada mais delicioso do que ouvir sua vozinha pedindo para mamar e dizendo ‘mamazinho’, ‘mamá bom’, ‘mamá gostoso’.

Porque agora a hora de mamar virou também a hora de brincar. É lindo ver a criatividade dele colocando um bichinho de brinquedo para mamar, um boneco, ou até mesmo querendo amamentar. Sim, porque um bebê tão pequeno ainda não tem essa noção de gênero, e mesmo menino, volta e meia coloca um brinquedo para mamar.

Porque é uma delícia ver o despertar da sua curiosidade sobre o mundo, as pessoas e as coisas quando pergunta se o pai, o avô, a tia, a avó tem ‘mamá’.

Porque a troca de olhares e carinhos são cada vez mais intensas…

E amamentar nessa fase também tem seu lado educativo: nesse momento mostramos nossos limites e os limites deles. Os limites são definidos quando somos verdadeiras e dizemos quando não é a hora de mamar ou quando explicamos que não queremos que o bebê faça determinada coisa. Aos poucos, no dia a dia, fui aprendendo isso. Quando ele sempre pedia para mamar antes de eu ir para o trabalho e eu me atrasava percebi que não poderia fazer sempre as suas vontades e fui explicando, até que ele entendeu e parou de pedir para mamar nesse momento. E aquela mania de todos os bebês de ficar mexendo no outro mamilo na hora de mamar? Nesse momento também dou limites e peço para parar.

Não estabeleci um momento para o desmame. Enquanto for gostoso para nós dois quero que continue. Deixo aqui minhas palavras de incentivo para que todas as mães continuem amamentando seus bebês depois deles completarem 1 ano, porque essa experiência é maravilhosa!

Depoimento de Clarissa M. de S. Bottari, mãe do Pietro (1 ano e 11 meses) e voluntária das Amigas do Peito.